Sol Silverman, 1926-2014

Muito agradeço a quem tornou a Medicina Oral uma ciência mais próxima do cotidiano do CD, através de suas palestras e do seu excelente livro.

Nos últimos encontros da AAOP ele se sentava no fundo e pouco se manifestava mas, sempre presente, não saía nunca antes do último dia.

Mais uma lenda que se vai.

RIP, Sol Silverman.

Triplo Oral – setembro de 2014

Artigos de interesse para cursos de Dor Orofacial e Odontologia Hospitalar da ABORJ e ABOSG.

Volume 118 • Issue 3 . Sptember 2014

Editorial

The Image Gently in Dentistry campaign: promotion of responsible use of maxillofacial radiology in dentistry for children

Stuart C. White, William C. Scarfe, Ralf K.W. Schulze, Alan G. Lurie, Joanna M. Douglass, Allan G. Farman, Clarice S. Law, Martin D. Levin, Robert A. Sauer, Richard W. Valachovic, Gregory G. Zeller, Marilyn J. Goske

Clinicopathologic Conference

Fibrosarcoma of the temporomandibular joint area: benefits of magnetic resonance imaging and computed tomography

Shoko Gamoh, Yukako Nakashima, Hironori Akiyama, Kaname Tsuji, Koji Yamada, Motoyuki Suzuki, Shosuke Morita, Kimishige Shimizutani

Oral and Maxillofacial Surgery

Vessel injuries of the head and neck presenting in mandibular fractures

Hans C. Brockhoff, Chris Morris, Paul Tiwana, Nicolas Bebeau, Ceib Phillips

Incidence and impact of adverse effects of medical care on complications in patients who underwent excision of cervical lymph nodes

Veerasathpurush Allareddy, Satheesh Elangovan, Steven L. Fletcher, Vivek Subbiah, Sankeerth Rampa, Romesh Nalliah, Min Kyeong Lee, Veerajalandhar Allareddy

Prognostic value of residual node involvement after induction chemotherapy in operable oral squamous cell carcinoma

Jiong Lyu, Yi Zhong, Chaojun Li, Hao Song, Guoxin Ren, Wei Guo

Online Only Articles

The twin block: a simple technique to block both the masseteric and the anterior deep temporal nerves with one anesthetic injection

Samuel Quek, Andrew Young, Gayathri Subramanian

Bisphosphonate therapy and ankylosis of the temporomandibular joint: is there a relationship? A case report

Oscar Hammarfjord, Leo F.A. Stassen

Oral Medicine

Prevalence estimates and outcomes of mental health conditions in those hospitalized owing to dental conditions

Veerasathpurush Allareddy, Min Kyeong Lee, John D. Da Silva, Sankeerth Rampa, Veerajalandhar Allareddy, Romesh P. Nalliah

Online Only Articles

Treatment of a Crohn’s disease–related cutaneous facial lesion with topical tacrolimus

Neha P. Shah, Rishi M. Goel, Michael Escudier

Oral and Maxillofacial Pathology

Imaging and histologic features of traumatic temporomandibular joint ankylosis

Jiang-Ming Li, Jin-Gang An, Xiao Wang, Ying-Bin Yan, E. Xiao, Yang He, Yi Zhang

Online Only Articles

Pigmented oral carcinoma in situ: a case report and literature review

Naoyuki Matsumoto, Taiichi Kitano, Hidero Oki, Daisuke Omagari, Yasuyoshi Matsue, Michisato Okudera, Takashi Yamamura, Yohichi Nishikawa, Satoshi Nishimura, Masatake Asano, Kazuo Komiyama

Clinicopathologic conference case 1: incidental finding on left posterior tongue

T.M. Gibson, B.D. Martin

Clinicopathologic conference case 2: a man with progressive alveolar bone loss and spontaneous tooth exfoliation

B.C. Jham, R. Hill, M. Mulholland, P.C. Edwards

Clinicopathologic conference case 3: a 75-year-old man with progressive right-sided hearing loss and dizziness

N. Said-Al-Naief, A. Pourian, J. Cure, R. Lopez

Clinicopathologic conference case 4: painful nonhealing oral ulcerations

K.K. McNamara, P. Pugalagiri

Clinicopathologic conference case 5: patient presenting with facial abscess and aggressive osteolysis with prominent periosteal reaction of the mandible

H. Chehal, J.W. Rohrer, J.A. Kini, M.J. Palazzolo

Oral and Maxillofacial Radiology

Anterior condylar remodeling observed in stabilization splint therapy for temporomandibular joint osteoarthritis

Soo-Min Ok, Jihyun Lee, Yong-Il Kim, Jae-Yeol Lee, Ki Beom Kim, Sung-Hee Jeong

Cone beam computed tomography registration for 3-D airway analysis based on anatomic landmarks

Noura A. Alsufyani, Nicholas H. Dietrich, Manuel O. Lagravère, Jason P. Carey, Paul W. Major

Hospital Cardoso Fontes reestrutura serviço de Odontologia

Fonte: http://www.ebc.com.br/noticias/brasil/2014/08/rio-servico-de-odontologia-do-hospital-cardoso-fontes-e-ampliado

O serviço de odontologia do Hospital Federal Cardoso Fontes (HFCF) recebeu hoje (22) novas instalações e dois novos consultórios. A unidade funciona na Freguesia, em Jacarepaguá, zona oeste do Rio. Com isso, o hospital vai passar a usar a técnica com laser no tratamento de pacientes oncológicos, além de atender pessoas internadas no Centro de Terapia Intensiva (CTI) da unidade.

A odontologia do HFCF é referência no tratamento de pacientes especiais, com HIV, diabéticos, psiquiátricos, com síndrome de Down e lesão cerebral. De acordo com o chefe do Serviço de Odontologia da unidade, Silvio da Cruz Brandão, as pessoas em quimioterapia e radioterapia estão entre os principais beneficiados.

“O laser tem várias aplicações. Tem o laser vermelho e o infravermelho. O paciente, quando é submetido a uma fisioterapia de cabeça e pescoço ou quimioterapia, ele está sujeito à mucosite [inflamação das mucosas] e isso acontece muito na cavidade oral. Esse paciente fica sem poder se alimentar, e o laser tanto fica preso como ele tira essa dor. São várias aplicações que outros hospitais já fazem e aqui vamos passar a usar também”, relatou Brandão, ao acrescentar que o tratamento já é oferecido no Instituto Nacional de Câncer (Inca) e no Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe).

Além da laserterapia no tratamento de pessoas com câncer, a odontologia passa a integrar os exames de risco cirúrgico da unidade. O objetivo é reduzir as possibilidades de infecções originadas da boca do próprio paciente, que podem se espalhar para o aparelho cardiorrespiratório, principalmente dos que estão no CTI.

“O paciente no CTI normalmente está entubado. Se ele está com biofilme na boca e esse tubo esbarra nesse biofilme, ele vai levar bactérias da cavidade oral para o pulmão e esse paciente acaba permanecendo mais tempo na unidade em função de uma pneumonia, não daquela doença que ele foi internado. Esse é o benefício do dentista dentro da unidade fechada. O dentista vai orientar os enfermeiros como proceder na higiene [bucal]“, explicou Brandão.

História da Odontologia Hospitalar no Brasil – depoimentos

Escrito originalmente como comentário pelo Dr. Gilceu Pace e transcrito para este novo post especifico sobre a história da Odontologia Hospitalar no Brasil.
_______________

Já que o tema passou a ser focado no histórico da Odontologia Hospitalar e para que não se cometam injustiças com desbravadores e pais da criança sugiro que as Comissões de Odontologia Hospitalar dos CROs de cada estado da federação se debrucem na pesquisa dos fatos históricos regionais da atuação dos seus CDs em ambiente hospitalar, para que no final seja compilado o texto real dos fatos e que o mesmo seja aprovado na futura Reunião Geral das Comissões como representante do histórico oficial da OH.
Da minha parte, gostaria de colocar que há 43 anos os professores Dr.Gilberto Marcucci e Dr.Geraldo dos Santos, oriundos da Estomatologia (antes Semiologia) da FOUSP e outros colegas entre os quais me incluo, iniciaram no Hospital Heliópolis SUS (antes INAMPS/MS), o atendimento de pacientes especiais (antes excepcionais internados no 7º andar), sob anestesia geral em Centro Cirúrgico.
Ambulatorialmente, no 2º andar, realizávamos o diagnóstico e tratamento dos pacientes encaminhados pela rede pública de saúde e demais pacientes internados nas Clinicas Médicas do HH (Dermato, Gastro, Procto, Pneumo, Cardio, Onco, UTI, Moléstias Infecciosas, Cabeça e Pescoço e Hematologia).
Paralelamente era dado o Curso de Aprimoramento Profissional em Estomatologia com 4 (quatro) bolsas da FUNDAP no CEPE Centro de Estudos e Pesquisas em Estomatologia “Prof.Dr.Gilberto Marcucci”) com carga horária de mais de 1450 horas que após reconhecimento da especialidade de Estomatologia pelo CFO se enquadrou nas normas oficiais com a participação de 12 (doze) alunos/ano .

Fica assim feito este registro, mas recomendaria entrevistar os fundadores que até o momento permanecem vivos.