Último dia – Residência Multidisciplinar no Rio Grande do Sul

Hoje é o último dia de inscrição para o Processo Seletivo Público destinado à seleção de vagas aos Programas de Residência Integrada em Saúde Bucal na UFRGS:

Pelo momento presente em que se discute o formato de habilitação em Odontologia Hospitalar e o reconhecimento dos profissionais já aptos a receberem a certificação pelo CFO, vale a pena se informar mais sobre o assunto RESIDÊNCIA MULTIPROFISSIONAL.

Abaixo algumas informações sobre o curso que constam no edital. Veja http://www.ufrgs.br/odontologia/ensino/odonto/pos-graduacao/residencia/edital-de-selecao-01-2015-1/view

_________________________________________

- Saúde da Família e Comunidade;
- Cirurgia e Traumatologia Buco-maxilo-faciais;
- Estomatologia;
- Endodontia;
- Periodontia.

Os Programas têm como base os projetos credenciados junto ao Sistema da Comissão Nacional de Residência Multiprofissional em Saúde ‐ SisCNRMS, do Ministério da Educação, e os projetos cadastrados nos Sistemas de Pós‐Graduação da Universidade (…) integrando o credenciamento federal das Residências em Área Profissional da Saúde pelo Ministério da Educação.

(…)

Os programas de Residência Integrada em Saúde Bucal desenvolverão suas ações de maneira integrada à rede e dividir-se-ão em dois eixos de formação: eixo de saúde coletiva e eixo de área temática.
1. Das definições Gerais para os Programas de Residência Integrada em Saúde
Bucal:
As Residências Integradas em Saúde referidas neste Edital serão desenvolvidas em
regime de 60 (sessenta) horas semanais e de dedicação exclusiva. O candidato
selecionado como Profissional Residente fará jus à Bolsa de Educação pelo Trabalho em valor isonômico à Bolsa de Residência Médica (na data presente, no valor de R$2.976,26 – dois mil novecentos e setenta e seis reais e vinte e seis centavos), em conformidade com o especificado na Lei 11.129/2005. Profissionais Residentes receberão acompanhamento docente‐assistencial de responsabilidade conjunta da Universidade e órgãos ou instâncias conveniadas dos setores da saúde, assistência social e educação, com duração de 24 (vinte e quatro) meses letivos, à exceção do Programa de Residência na ênfase em Cirurgia e Traumatologia Buco-maxilo-facial que terá duração de 36 (trinta e seis) meses, conforme itinerário percorrido em atividades prático-aplicativas nos cenários de prática (80% da carga horária total) e atividades de ensino e orientação (20% da carga horária total).

(…)

Os Programas de Residência Integrada em Saúde são desenvolvidos em âmbito
local, locorregional, interinstitucional e intersetorial, envolvendo instâncias e serviços de saúde, educação e assistência social em Porto Alegre e região metropolitana, vivências e estágios programados em diferentes cenários do SUS.

(…)

Todos oferecerão ao programa de residência a oportunidade de vivências e estágios em seus Departamentos e Serviços, tais como: Departamento de Ações em Saúde (DAS) e Departamento de Assistência Hospitalar e Ambulatorial (DAHA) da SES/RS; e Instituto Municipal da Estratégia de Saúde da Família (IMESF), Coordenação de Saúde Bucal, Assessoria de Planejamento (ASSEPLA) e Unidades de Saúde da Família (USF) e Hospital de Clínicas de Porto Alegre, que são cenários de prática da Prefeitura Municipal de Porto Alegre ou vinculadas a ela por meio de contratualização.

Deixe uma resposta